Reduza o consumo de sódio da sua alimentação!

O consumo excessivo de sal é um dos principais causadores de doenças crônicas não transmissíveis como doenças cardiovasculares e renais. Uma pesquisa recente detectou que 75% da população mundial consome em média 10g de sal por dia, o dobro recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) que é de até 5g por dia. O Brasil é um dos maiores consumidores mundiais de sal, com média de ingestão de 15g diárias, ou seja, três vezes a mais do que o limite recomendado pela OMS. Este excesso ocorre principalmente devido ao consumo de alimentos processados. Eles contêm sal na forma do seu principio ativo: o sódio.  O excesso de sódio no organismo costuma ser percebido em longo prazo, quando surgem os primeiros sintomas como edema nas pernas e tornozelos e pressão sanguínea elevada. Uma dieta hipersódica também pode colaborar para o desenvolvimento de câncer gástrico e agravar os quadros de osteoporose, já que o sódio está relacionado a uma maior perda de cálcio na urina. O importante é o equilíbrio, pois o sódio também apresenta papel importante em diversas funções do organismo, como a regularização do volume plasmático, contração muscular, ritmo cardíaco e funcionamento do cérebro.

A recomendação é ficar atento aos rótulos dos alimentos, em que é obrigatória a citação da tabela nutricional e preferir alimentos com baixo sódio. Lembrando que inclusive alimentos doces podem conter altos teores do mineral.

Algumas dicas simples para auxiliar na redução do consumo diário do sal:

–  Retirar o saleiro da mesa;

–  Controlar o uso do sal durante o cozimento dos alimentos;

–  Preferir alimentos frescos;

–  Evitar o uso de temperos prontos;

–  Evitar sopas prontas e embutidos, assim como alimentos em conserva;

–  Substituir o sal refinado pelo sal light.

Alguns temperos também podem ser utilizados em substituição ao sal e realçar o sabor dos alimentos:

–  Cúrcuma (açafrão): além de proporcionar um sabor agradável, deixa o prato mais colorido.

–  Gengibre: com sabor adocicado e picante, pode ser utilizado em pratos doces e salgados, além de poder ser adicionado a sucos;

–  Manjericão: utilizado em diversos pratos, dá um toque especial em molhos de tomate, tortas e saladas.

–  Salsa: desidratada ou fresca confere aos pratos um sabor leve e agradável.

Em uma dieta para redução de sal, as papilas gustativas demoram em torno de 3 meses para a adaptação, ou seja, no inicio a adesão a dieta hipossódica pode ser difícil mas com o tempo o organismo se acostuma e a saúde agradece!

Fontes:

http://www.nutricaoempauta.com.br/artigo_completo.php?cod=2338

http://www.nutricaoempauta.com.br/lista_artigo.php?cod=2036

http://www.nutricaoempauta.com.br/lista_artigo.php?cod=2208

http://www.mundoverde.com.br/2011/04/25/diminua-o-s%C3%B3dio-na-sua-alimenta%C3%A7%C3%A3o/