Mitos e verdades sobre Sucos Detox

Quando se fala em sucos detox logo pensamos em saúde, boa alimentação e emagrecimento rápido. Mas será que ele só traz benefícios à saúde?

 

“Detox” pode ser considerado a abreviação das palavras desintoxicação ou detoxificação, que significam “remoção de substâncias tóxicas de um organismo vivo.” Apesar do corpo humano por si só já possuir mecanismos fisiológicos que realizam esse processo de “limpeza”, os sucos detox servem como um complemento a esse trabalho de eliminar as toxinas do organismo.

 

Alimentos e bebidas, como aditivos alimentares (muito comuns em produtos industrializados), adoçantes, agrotóxicos e medicamentos, por exemplo, são algumas das toxinas que, em excesso e acumuladas nos órgãos e tecidos, são extremamente prejudiciais para a saúde. É fato que uma alimentação saudável e equilibrada beneficia os processos responsáveis por um corpo sadio, porém, quando a alimentação tem como base produtos processados, cheios de elementos químicos, açúcar e gordura, os órgãos responsáveis por essa limpeza acabam ficando sobrecarregados.

 

É importante dizer e deixar bem claro que, para emagrecer, os sucos detox sozinhos não fazem milagre, pois para uma vida mais saudável e para um emagrecimento com saúde, uma combinação de alimentação balanceada e atividades físicas regulares são indispensáveis.

 

Para te ajudar a manter uma alimentação equilibrada e entender melhor o funcionamento dos sucos detox, vamos esclarecer alguns mitos e verdades para que você possa escolher de que modo aplica-los em sua rotina.

 

Imagem: Shutterstock

 

  1. Muita fruta

 

Acredita-se que quanto mais frutas você colocar no suco detox melhor, porém isso é um MITO. As frutas e vegetais, quando transformados em suco, passam por modificações físicas na estrutura, o que leva os sucos a terem um teor de fibra inferior às frutas e os vegetais da sua forma natural. Fazendo isso, o açúcar presente nas frutas e nos vegetais será absorvido mais rapidamente pelo organismo, ou seja, quanto mais frutas no suco, mais açúcar será absorvido rapidamente e maior será a sobrecarga para o fígado.

 

  1. Substituir refeições

 

Um dos erros mais comuns de quem começa a ingerir os sucos detox é fazer deles uma substituição das refeições regulares (almoço e jantar), porém isso é errado e portanto, é um MITO. Os sucos devem ser encaixados como complementos de uma alimentação balanceada e dependendo dos ingredientes, podem ser consumidos como lanche entre as refeições, principalmente antes de atividades físicas (de moderadas a intensas).

 

  1. Risco à saúde

 

Mudar radicalmente a alimentação, alimentando-se apenas de sucos detox é outro erro muito comum de pessoas que buscam emagrecer, portanto é VERDADE que uma alimentação à base de detox pode trazer riscos à saúde. Quando isso é feito, ocorre um desequilíbrio de nutrientes, e mesmo que ocorra uma perda de peso rápida, dificilmente será sustentável. Uma alimentação saudável requer níveis adequados de proteínas, carboidratos, gorduras, vitaminas e minerais em todas as refeições, o que não acontece tomando apenas suco detox.

 

  1. Suco verde = Saúde

 

Quando são utilizados ingredientes 100% naturais e sem adição de açúcar, é VERDADE que o suco detox verde pode ser extremamente saudável. A principal característica dos sucos detox é uma combinação, às vezes incomum, de ingredientes que, de certa forma, proporcionam benefícios nutricionais.

 

Apesar de serem muito benéficos à saúde, é preciso ter alguns cuidados ao consumir sucos detox. Por isso, é importante ficar atento à forma de consumo e não limitar-se apenas a esse tipo de alimentação, pois o corpo necessita de muito mais do que sucos detox podem proporcionar.

 

Continue acompanhando o Blog VitaVale para mais novidades sobre saúde e bem estar.